Menu

Clinica Veterinária

Início Notícias Especialidades Neurologia Tratamento da epilepsia em cães
Neurologia

Tratamento da epilepsia em cães

- revisão

Créditos: Sergey Nivens Créditos: Sergey Nivens

Pharmacological treatment of canine epilepsy – review

Tratamiento de la epilepsia en perros – revisión

Clínica Veterinária, Ano XXVI, n. 151, p. 56-74, 2021

DOI: 10.46958/rcv.2021.XXVI.n.151.p.56-74

Resumo: A epilepsia é condição prevalente em cães, caracterizada pela recorrência de quadros convulsivos. O atendimento adequado desses pacientes requer o esclarecimento da etiologia dos eventos relatados, tentando estabelecer a causa das crises epilépticas, realizar uma avaliação clínica detalhada do paciente desde o começo do tratamento, estabelecer o fármaco a utilizar, realizar o correto monitoramento do paciente e manter-se alinhado com os tutores na condução da terapia. A prescrição de fármacos impróprios para a espécie ou o emprego de baixas doses são possíveis causas de falhas no tratamento. O presente artigo revisa fatores relacionados à utilização de fenobarbital, brometo de potássio e levetiracetam – fármacos disponíveis no Brasil com maior evidência de segurança e eficácia no tratamento da epilepsia canina.

Unitermos: neurologia, convulsões, terapêutica, anticonvulsivantes

Abstract: Epilepsy is relatively common in dogs and is characterized by recurring seizures. In order to treat such cases effectively, the veterinarian must first clarify the etiology of the reported episodic events, investigate the cause of the seizures, carry out a detailed clinical evaluation of the patient from the start of the treatment, decide on the drug to be used, monitor the patient appropriately, and ensure that the dog’s owners understand and collaborate with the treatment. Reasons for treatment failures include the prescription of drugs unsuitable for use in dogs or the use of low doses. This article reviews factors related to the use of phenobarbital, potassium bromide and levetiracetam – drugs available in Brazil for which there is stronger evidence of safety and effectiveness in the treatment of canine epilepsy.

Keywords: neurology, seizures, therapy, anticonvulsants

Resumen: La epilepsia es una enfermedad relativamente prevalente en perros, que se caracteriza por la presencia de cuadros convulsivos recurrentes. Estos pacientes requieren de una adecuada atención, siendo necesaria la determinación de la etiología de dichos eventos, investigar la posible causa determinante de las crisis y realizar un examen clínico detallado desde el inicio del tratamiento. También se debe establecer el fármaco a ser utilizado, realizar el monitoreo y evolución del paciente, y mantener una buena comunicación con los tutores en la instauración del tratamiento. Dentro de las posibles fallas en la terapia se encuentra la indicación de fármacos inapropiados para la especie, o bien el uso de dosis bajas. El presente artículo revisa diferentes factores relacionados con el uso de fenobarbital, bromuro de potasio y levetiracetam – fármacos con mayor evidencia de seguridad y eficiencia en el tratamiento de la epilepsia canina, y que se encuentran disponibles en Brasil.

Palabras clave: neurología, convulsiones, terapéutica, anticonvulsivantes


Conteúdo exclusivo para assinantes

Seja um dos milhares de leitores que se beneficiam dos conteúdos da Clínica Veterinária

Acompanhamos sua jornada de autoconhecimento e evolução

Assine agora e junte-se à nossa comunidade

Mais assinado

Digital

R$120,00

Ou escolha o seu plano

Assinatura digital, diretamente do nosso acervo com todas as edições publicadas, desde o nº 1.

Assinatura digital, diretamente do nosso acervo com todas as edições publicadas, desde o nº 1.

Assinatura digital, diretamente do nosso acervo com todas as edições publicadas, desde o nº 1.

Assinar
 

R$

Assinar

Atualização científica e divulgação de informações para o médico-veterinário de pequenos animais

  • Principal publicação científica de educação continuada do setor no país.
  • Há 29 anos, o veículo de referência para o médico-veterinário de pequenos animais.
  • Indexada no Zoological Records CAB Abstracts, Latindex e Web of Science.
  • Periodicidade bimestral, publicada na versão digital.
  • Cobre as diversas especialidades da clínica veterinária de pequenos animais como dermatologia, cardiologia, neurologia, nefrologia, reprodução, endocrinologia, oftalmologia, incluindo também bem-estar animal, saúde pública, zoonoses, medicina veterinária de desastres medicina veterinária do coletivo, ecologia, animais silvestres, entre outras.
  • Opção de assinatura digital. O leitor tem acesso ao conteúdo digital completo dos 28 anos de publicação.
  • A cada nova edição bimestral, conteúdos importantes e atualizações para seu dia-a-dia profissional.

 

Atenção!!!!

Estudantes de medicina veterinária possuem CUPOM de 30% de desconto. Antes de concluir a compra, favor enviar um comprovante estudantil (carteirinha, um boleto atual ou uma certidão, válido para estudantes de graduação, pós-graduação, doutorado ou mestrado do curso de medicina veterinária) para o seguinte e-mail:  [email protected]    ou WhatsApp:  (11) 98250-0016

Após o envio e confirmação, você receberá o cupom para finalizar sua compra.

Revista Clínica Veterinária.

Já é assinante? Clique e entre na sua conta!