Artigo científico

Mesotelioma peritoneal em onça-pintada

Relato de caso


A onça-pintada é o maior felídeo das Américas. A população livre no Brasil concentra-se na Região Amazônica, no Pantanal e em algumas áreas remanescentes da Mata Atlântica. Seu status de conservação na natureza é vulnerável, e considerado quase ameaçado pela União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN).


O mesotelioma é um tumor que provém das células mesoteliais multipotenciais da pleura, do peritônio ou do pericárdio. Pode produzir metástases para os pulmões, fígado, pâncreas, rins, suprarrenais e medula óssea.


O relato de caso publicado na edição 158 da revista Clínica Veterinária discorre sobre o óbito de um macho adulto de onça-pintada (Panthera onca), mantido sob cuidados humanos no Zoológico Municipal de Sorocaba, com diagnóstico histopatológico e imuno-histoquímico confirmado de mesotelioma peritoneal.


O paciente foi submetido a exames clínicos, laboratoriais e de diagnósticos por imagem, e em curto espaço de tempo foi a óbito. Os resultados anatomopatológicos e imuno-histoquímicos indicaram o diagnóstico conclusivo de mesotelioma peritoneal, com metástase em linfonodo mesentérico.


Veja os detalhes do artigo e acompanhe todas as demais matérias da edição!


Acesse ou assine a revista Clínica Veterinária

https://revclivetsite.azurewebsites.net/Account/Logon