Edições Anteriores

Edição N. 15

julho/agosto - Ano III,1998

Ortopedia

Autor(es): Marcelo Meller Alievi ; João Eduardo Schossler, Marcelo Teixeira


Osteossíntese de úmero em arara-canindé (Ara ararauna): relato de caso

O relato descreve um caso de psitacídeo da espécie Ara ararauna (Arara-Canindé) que, devido a uma queda, apresentou fratura diafisária múltipla de úmero esquerdo. A osteossíntese foi realizada pela introdução de dois pinos de Steinmann, por via retrógrada, através do foco de fratura e os fragmentos ósseos fixados pela associação de dupla cerclagem com fio de aço. O controle radiográfico, realizado aos 60 dias do pós-operatório, revelou a presença de calo ósseo em remodelação, com desaparecimento da linha de fratura, sendo indicada a remoção dos pinos. Após 17 meses, a ave apresentava movimentação adequada da asa com extensão normal do membro.

Unitermos: Ara ararauna, fratura, úmero.


Reprodução

Autor(es): Camila Infantosi Vannucchi ; Sandra Satzinger, Silvia E. Crusco dos Santos


Avaliação seminal em cães - aspectos práticos

A avaliação espermática é largamente utilizada no monitoramento reprodutivo de cães, especialmente daqueles animais selecionados para acasalamento, ou na investigação de enfermidades da esfera reprodutiva. O espermograma envolve análises macroscópicas (volume, cor, odor e pH) e microscópicas (motilidade retilínea e progressiva, vigor, morfologia espermática, concentração espermática, citologia e cultura) do sêmen. O presente artigo fornece subsídios para a execução de um espermograma, indicando o método de colheita bem como os valores de referência para os diversos parâmetros do espermograma.

Unitermos: sêmen, espermograma, avaliação, cão.


Cirurgia

Autor(es): Simone Tostes de Oliveira ; Manoel Marcelo da S. Francisco, Gentil Ferreira Gonçalves, Sirlei Manzan Hortêncio, Rubén E. Ching Maitin


Abscesso pancreático em cão: relato de caso

Os abscessos pancreáticos são raros e, geralmente, associados à pancreatite aguda. Os autores relatam um caso de abscesso pancreático em um cão, com poucas alterações clínicas. Os exames laboratoriais, radiográficos e ultra-sonográficos foram sugestivos, porém insuficientes para o diagnóstico final. A celiotomia exploratória foi realizada e o abscesso removido juntamente com parte do pâncreas. O animal recuperou-se e, decorridos 40 dias de pós-operatório, não se observou qualquer sinal de seqüela.

Unitermos: cão, abscesso, pâncreas.


Zoonose

Autor(es): Christine S. Martins ; José Antônio Viana


Toxoplasmose - o que todo profissional de saúde deve saber - revisão

Muitos médicos e veterinários, quando solicitados a informar sobre a toxoplasmose, ainda fazem recomendações quanto aos animais de estimação, baseadas em preconceito e desinformação. As vias de transmissão do T. gondii são: infecção transplacentária, contato ou ingestão de carne mal-cozida ou ingestão de oocistos de fezes de gatos. Devido às inúmeras fontes de infecção, abrir mão da companhia do gato não garante proteção contra a toxoplasmose. É essencial compreender a importância relativa de cada via de transmissão a fim de melhor orientar na prevenção dessa zoonose, principalmente aos segmentos da população em risco, isto é, mulheres gestantes e pacientes portadores do HIV.

Unitermos: "Zoonoses Toxoplasmose gatos Toxoplasma gondii."


Botão Edições anteriores