Publicado em

Como comunicar más notícias aos tutores de animais de estimação

Entender e comunicar a morte dos animais de estimação e/ou situações críticas de pacientes terminais torna-se cada vez mais relevante para os médicos veterinários, uma vez que esses profissionais encontram-se mais suscetíveis ou expostos aos sentimentos trazidos pela morte, pois no cenário das instituições de saúde ela está cons­tantemente presente. Na prática, observamos como o des­preparo e a falta de capacitação no assunto resultarão em angústia, sofrimento e dor psíquica, existencial e mesmo espiritual na vida desses profissionais .

Na revista Clínica Veterinária, Ano XVII, n. 100, setembro/outubro, 2012, o artigo Tanatologia – A ciência da morte e do morrer e a medicina veterinária aborda a importância de estar preparado com esse tema (edição disponível no acervo digital).

O processo da descoberta e do tratamento de câncer em animais de companhia na visão da psico-oncologia é outro artigo publicado na revista Clínica Veterinária que tem relação com a questão que envolve o fim da vida do animal e de como lidar com essa situação.

Para quem deseja se aprofundar no tema, a  psicóloga Joelma Ruiz, especializada em luto, está promovendo um curso para ajudar os profissionais da área da saúde veterinária e humana a como comunicar uma má notícia apoiando o cliente no momento difícil. O curso “A evolução da relação homem x animal e como comunicar más notícias apoiando o seu cliente” acontece no dia 27/11/2016, no Auditório do Hospital Veterinário Santa Inês. O curso tem como objetivo abordar em sua complexidade a relação entre o homem e animal de estimação, visando aperfeiçoar a atuação do médico-veterinário e equipe, além de profissionais da área da saúde humana, a partir da melhor compreensão dos efeitos psicológicos da doença do animal aos tutores.
Para saber mais informações, como a programação completa, valores e sobre os palestrantes do curso, acesse o site: http://rumomarketing.com.br/vetpaz/

Instruções aos autores para envio de artigos científicos: clique aqui

2 comentários sobre “Como comunicar más notícias aos tutores de animais de estimação

  1. Muito interessante este tema. Se tratando de algo muito delicado, principalmente em um momento de tristeza. Gostei muito da matéria. Vou me inscrever no site para sempre acompanhar os conteúdos.
    Abraços, Paula.

    1. Recomendo inscrever-se a nossa newsletter então! A revista Clínica Veterinária agradece o seu interesse!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *